Piso para calçada: como escolher

Piso para calçada: como escolher

26 de maio de 2018 0 Por Mosaicos Amazonas

O piso para calçada é um  dos itens mais importantes na hora da obra, tão importante que cada cidade em grande parte apresentam suas próprias diretrizes e normas sobre como devem ser construídas.

Mesmo que a calçada seja pública, o projeto de cada uma é particular, ou seja, pertence ao dono do imóvel. Em suma, é importante que fique atento às normas e diretrizes de sua cidade para que não traspasse nenhuma lei municipal.

Apesar disso, nada impede que você solte a criatividade na hora de escolher sua calçada (contanto que ela respeite as cores, formas e a segurança dos pedestres).

A parte externa de um imóvel é a primeira identidade cujas pessoas vão ter de sua propriedade, o que acaba contribuindo muito para a avaliação estética do local, além disso, como é feita para transitar, é importante que durante a escolha do material leve em conta a durabilidade do material, se é bom e durável e o profissional que irá instalar a mesma.

 

O que se deve avaliar na hora da escolha do piso?

 

Em grande parte quando vamos escolher algo, prestamos mais atenção na parte estética do item, e de fato, é muito importante avaliar se está de acordo com seu gosto e se está de fato combinando com o resto da decoração de sua casa, porém, há outras coisas de suma importância a levar em conta na hora da escolha do piso para o imóvel. Vale a pena fazer uma pesquisa sobre as marcas as quais lhe interessam, se não souber a respeito de marcas de piso, peça ajuda a alguém que de fato tenha conhecimento sobre, compare a durabilidade x benefício, a resistência do material e também a superfície.

Falando em superfície, essa é uma das partes mais cruciais durante a escolha do seu piso, já que é importante levar em conta que não pode ser muito lisa para garantir a segurança de quem entra e sai de sua casa, de preferência, deve ser feita de um material antiderrapante.

Outra dica muito importante é a marca do piso, nas lojas se preciso você pode perguntar aos vendedores sobre as marcas que mais saem ou sobre o histórico dos fabricantes, que podem ser facilmente pesquisadas na internet.

De acordo com pesquisas feitas, o piso mais indicado para calçadas conforme indicação de especialistas, deve possuir classificação PEI n° 04 (no mínimo). PEI é um instituto que classifica quanto a resistência do material, já  número, significa o grau de resistência da porcelana/piso. Tais normas servem para que se possua uma base para esclarecer quanto a escolha.

 

Possíveis dificuldades para instalação do piso

 

É importante que você conheça o clima de sua região e suas possíveis variações, movimentação das pessoas que costumam adentrar a casa ou circular ao redor e materiais necessários.

Antes de qualquer coisa, você deve escolher um profissional de sua confiança para que como citado anteriormente, na hora da instalação, conheça as variáveis do lugar, o que faz toda a diferença durante a instalação do piso e depois, assim garantindo melhor acabamento e durabilidade para sua calçada.

Caso goste do clima DIY, e prefira fazer a instalação sozinho, deve atentar a pesquisas e outras dúvidas que possam vir a aparecer.

 

Tipos de Calçadas

 

  • Antiderrapante: uma opção que não falha nunca é a procura por pisos que são feitos especificamente para serem utilizados em calçadas, esses pisos em grande parte são antiderrapantes e irão impedir que ocorra acidentes como quedas por exemplo, nessa categoria, pisos de pedra são uma boa escolha. Há também a possibilidade de utilizar pisos de cerâmicas, desde que sejam feitos para serem utilizados na área externa. Os pisos intertravados apresentam facilidade para sua instalação, além disso, uma          vez que colocados em forma de encaixe, apresentam diversas cores, o que garante maior liberdade de combinações de cores a fim de atingir a harmonia com sua casa.
  • Piso Drenante: na mesma linha dos pisos antiderrapantes, existem diversas opções de pisos drenantes, tem como principal peculiaridade a capacidade de conseguir drenar grandes quantidades de água, o que evita alagamentos e poças. Por justamente ser um piso drenante, sua durabilidade em muitos casos vai além dos 20 anos. Os pisos drenantes mais conhecidos são o piso intertravado convencional. Para que garanta sua eficiência, a pessoa que instalar deve ficar atenta ao nivelamento, o que impedirá que a água da chuva adentre sua casa.

 

Para mais informações baixe a cartilha da Prefeitura de São Paulo ou visite o site.